Fale Conosco

Cibersegurança: desafios e benefícios

A segurança cibernética, conhecida como cibersegurança, refere-se ao conjunto de tecnologias, processos e práticas projetados para proteger redes, dispositivos e dados contra ataques, danos ou acessos não autorizados. A cibersegurança também pode ser mencionada como segurança de tecnologia da informação.

Sua importância se deve às organizações governamentais, corporativas e médicas, que coletam e armazenam grandes quantidades de dados em computadores e outros dispositivos.

Uma parte significativa desses dados pode ser informação sensível, os quais o acesso ou exposição não autorizados podem ter consequências negativas. As organizações transmitem dados confidenciais através de redes e para outros dispositivos no curso de seus negócios, e a segurança cibernética descreve a prática dedicada a proteger essas informações e os sistemas usados ​​para processá-las.

Conforme o volume e a sofisticação dos ataques cibernéticos aumentam, as empresas e organizações precisam tomar medidas para proteger seus negócios e informações pessoais. 

Desafios da cibersegurança

Para uma segurança cibernética eficaz, uma organização precisa projetar seus esforços em todo o seu sistema de informações, tendo como objetivo os seguintes aspectos:

Segurança de rede: processo de proteção da rede contra usuários indesejados e ataques;

Segurança de endpoint: processo de proteção do acesso remoto à rede de uma empresa;

Segurança de dados: proteger as informações da empresa e do cliente armazenadas na rede e dispositivos;

Gerenciamento de identidade: processo de controle do acesso que cada indivíduo tem em uma organização;

Segurança de banco de dados e infraestrutura: tudo em uma rede envolve bancos de dados e equipamentos físicos, protegê-los é igualmente importante;

Segurança na nuvem: muitos arquivos estão em ambientes digitais, protegê-los apresenta uma grande quantidade de desafios;

Planejamento de recuperação de desastres: no caso de uma violação, os dados de desastres naturais ou outros eventos devem ser protegidos e os negócios devem prosseguir.

Ciberataques

Um ataque de cibersegurança trata-se de qualquer atividade maliciosa que visa os sistemas de computador ou as pessoas que os usam, para obter acesso não autorizado aos dados que eles contêm. Na maioria dos casos, os ciberataques são realizados por criminosos que procuram utilizar do ataque para obter ganhos financeiros.

Os ataques cibernéticos vêm em todos os formatos possíveis. Alguns podem ser ataques de ransomware declarados, enquanto alguns são operações secretas pelas quais os criminosos se infiltram em um sistema para obter dados valiosos apenas para serem descobertos meses após a invasão. Abaixo, listamos alguns tipos de ciberataques existentes:

Ransomware: Trata-se de uma forma de malware que criptografa dados de um sistema através de um vírus, exigindo um alto valor como resgate para recuperar os dados “sequestrados”. Um exemplo recente do uso de ransomware é o ataque sofrido pelo Ministério da Saúde brasileiro, na madrugada do dia 10 de dezembro de 2021, onde o sistema de seus sites e do ConecteSUS foram paralisados.

Malware: Um software malicioso que inclui várias formas de ciberataque, como ransomware, spyware e vírus. Normalmente ele ataca redes após criar uma vulnerabilidade, como clicar em links suspeitos ou instalar um aplicativo de fonte desconhecida. Uma vez dentro da rede, o malware pode obter informações sensíveis, produzir mais softwares prejudiciais para o sistema e pode até mesmo gerar um ataque ransomware.

Phishing: Uma forma de roubar login e informações confidenciais através de links e sites falsos projetados para enganar usuários e parecerem se tratar de sites autênticos de grandes marcas e organizações. Dessa forma, após clicar em um link phishing as credenciais de login e informações pessoais são coletadas discretamente.

Man-in-the-middle: Essa forma de ataque ocorre quando hackers interrompem o tráfego entre uma transação de dados de duas partes, como por exemplo, um Wi-Fi público/aberto de algum estabelecimento e o dispositivo de um usuário. Como a conexão Wi-Fi não é protegida, os criminosos podem visualizar todas as informações da vítima, interceptá-las e dessa forma poder gerar outros ataques ou ganhos financeiros.

Benefícios da cibersegurança para empresas

Com o passar dos anos e o aumento da participação da tecnologia no mercado empresarial, a cibersegurança se provou essencial para o bom funcionamento e desenvolvimento de uma empresa, por isso é importante entender seus benefícios:

Protege a reputação das empresas: As violações de dados podem prejudicar a reputação de uma empresa, logo que todo o mercado está competindo para ganhar a confiança dos usuários. Portanto, uma violação de dados grave pode quebrar a confiança entre a empresa e seus clientes. Se as medidas adequadas para proteger a privacidade da organização forem tomadas, isso pode manter uma base de usuários leais.

Controle de acesso: Um dos benefícios da cibersegurança nos negócios é estabelecer o gerenciamento estratégico da segurança de uma empresa, tendo controle sobre seus negócios e todos os processos internos e externos, regulando acessos aos recursos e dispositivos, reduzindo o risco da empresa sofrer ataques internos e externos.

Boa postura cibernética: Trata-se do processo que fortalece todos os controles e protocolos de segurança de dados para prevenir ameaças digitais, que permite agir e responder durante e após um ataque cibernético. A estratégia da cibersegurança começa monitorando a vulnerabilidade de um aplicativo e atua como um firewall contra todos os problemas de segurança.

Compartilhe!
94

Posts Relacionados

plugins premium WordPress

Identifique-se

Insira seus dados abaixo para acessar a Calculadora Laserway